faleconosco
Há mais de 23 anos em busca de Pessoas desaparecidas, localização para fins judicias, localização Familiares. Perdeu o contato de alguém especial? Eu posso lhe ajudar!
saibamais

fiqueligado
Como termo policial, detetive é aquele que investiga fatos, suas circunstâncias e as pessoas neles envolvidas
saibamais

servicosDetetive Particular é o profissional responsável por detectar um fato, pilhar, investigar, desmascarar circunstâncias e pessoas nelas envolvidas.
saibamais

Detetive Particular em Queiroz – SP

WT Detetive Particular há 23 anos em busca de Pessoas desaparecidas, localização para fins judicias, localização Familiares. Perdeu o contado de alguém especial? Eu posso lhe ajudar!

A WT = Wilson Teixeira  é uma pessoa jurídica, legalmente constituída, instalada na cidade de São Paulo – SP e atua há mais de 23 anos ininterruptos no fornecimento de equipamentos e prestação de serviços de investigação para pessoas e empresas em todo Brasil.

A WT dispõe de uma equipe de investigadores e pesquisadores profissionais voltados para os mais diversos ramos das Investigações e fornece o suporte, a estrutura e o instrumental necessário para atender às demandas de seus clientes, contribuindo para que estes promovam a adequação de suas condutas às exigências legais. Além disso, previne conflitos e minimiza os riscos na vida privada ou empresarial.

A equipe preza a prestação de serviços com ética, criatividade, dinamismo e agilidade. Analisa e considera sempre as necessidades de cada um dos clientes, primando pelo oferecimento de soluções com segurança e objetividade.

HISTÓRICO
No espigão entre o rio Tibiriçá e o ribeirão Caingangue, limitados ao norte pelo rio Aguapeí ou Feio, as terras da Fazenda Paiquerê foram desmembradas por iniciativa de Joaquim Ferreira Gandra, num total de 58 alqueires para futura venda em pequenas propriedades, em maio de 1938. A Fazenda Paiquerê antes fazia parte da Fazenda Guataporanga de propriedade da família Pizza, de Pompeia.
Da referida gleba, 10 alqueires foram loteados para venda a prazo, a fim de constituir um patrimônio onde seria instalado um pequeno centro comercial, a serviço dos proprietários rurais.
Um dos proprietários da Fazenda Paiquerê era a firma Queiroz Ferreira e Cia. Ltda. E daí decorreu a denominação de Vila Queiroz, que passaria a distrito de paz em novembro de 1944 e município em fevereiro de 1964, sempre com o nome de Queiroz.
Foi o incentivo proporcionado pelo fundador, Joaquim Ferreira Gandra, aos pequenos proprietários rurais, que contribuiu para e desenvolvimento urbano.

GENTÍLICOS: QUEIROZENSE
FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA
Distrito criado com a denominação de Queiroz, por Decreto-lei no 14334, de 30 de novembro de 1944, no Município de Pompéia.
Fixado o quadro territorial para vigorar em 1945-1948, foi criado no Município de Pompéia o Distrito de Queiroz com terras desmembradas dos Distritos de Novo Cravinhos, Paulópolis, do Distrito Sede do novo Município de Quintana e do Distrito da Sede do Município de Tupã.
Em 1945-1948, o Distrito de Queiroz figura no Município de Pompéia. Assim como nos quadros fixados pelas Leis Estaduais nos 233, de 24-XII-1948 e 2456, de 30-XII-1953 para vigorar, respectivamente, nos períodos 1949-1953 e 1954-1958.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 01-VII-1960.
Elevado à categoria de município com a denominação de Queiroz, por Lei Estadual no 8092, de 28 de fevereiro de 1964, desmembrado de Pompéia. Constituído do Distrito Sede. Sua instalação verificou-se no dia 29 de março de 1965.
Em divisão territorial datada de 15-VII-1997, o município é constituído do Distrito Sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-VII-1999.

Fonte

IBGE

Leave a Reply



Central de Cursos do Brasil